sexta-feira, 26 de maio de 2017

[Resenha - Universo dos Livros] A mais bela de todas: a história da Rainha Má

Postado por Ju às 16:00 16 comentários
Título: A mais bela de todas - a história da Rainha Má
Autora: Serena Valentino
Tradução: Jacqueline Valpassos
Número de páginas: 208

Ela é a primeira vilã da Disney. Apesar da beleza exuberante, é invejosa e extremamente má. Capaz até de pedir a um caçador o coração da doce e ingênua princesa do reino, ela chega a envenenar uma maçã para conseguir se livrar de sua rival. Mas toda história tem dois lados, não é verdade? Será que você conhece realmente a origem da Rainha Má? Este livro vai te contar uma história desconhecida até então. Ela é sobre amor e perda, com uma pitada de magia. Descubra aqui o que se esconde por trás do olhar enigmático da mais bela de todas...

Fazia muito tempo que queria conhecer essa série de livros da Universo que tem como tema os vilões da Disney. Agora que comecei minha jornada por ela, não sei bem o que achei. Por um lado, gostei muito. Por outro, não sei se me agrada a presença tão grande de magia como justificativa para as coisas. Mas vamos ao enredo.

Havia no reino um talentosíssimo Artesão de Espelhos, sua fama se espalhou tanto que até o Rei fez questão de conhecê-lo. Foi nessa visita que ele viu a filha do homem e um interesse surgiu imediatamente. A garota mal podia acreditar naquilo. Tinha uma autoestima praticamente inexistente, então como entender o motivo de o homem mais poderoso de todos querer uma simples plebeia sem nenhuma beleza?

sexta-feira, 19 de maio de 2017

[Resenha - Arqueiro] Uma em um milhão

Postado por Ju às 16:00 16 comentários
Título: Uma em um milhão
Autora: Monica Wood
Conto que antecede o livro Um menino em um milhão
Editora: Arqueiro
Número de páginas: 20

Você tem que conhecer essa senhora, uma pessoa muito singular... Ela acabou de fazer 100 anos. Ela não quer festa de aniversário. Muito menos ser entrevistada por um programa de TV. Ela está ocupada demais treinando para seu exame de direção. E engabelando com truques de mágica os visitantes de uma igreja. Ela é a senhorita Ona Vitkus. E ela é uma em um milhão. Divertido e comovente, este conto antecede o livro Um menino em um milhão e vai fazer você rir e chorar a cada página virada.



Ok, a sinopse exagerou um pouco. Não é segredo para ninguém que tenho problemas com contos, que custo a me envolver... Neste caso, até consegui me sentir dentro da história, mas não cheguei nem perto de chorar, e na verdade não percebi nada que pudesse ter​ levado um leitor mais sensível às lágrimas. Mas vamos à história.

Ona Vitkus acaba de completar 100 anos e surgem duas situações que não lhe agradam nem um pouco em sua vida: uma mulher de uma igreja que nem é a sua quer que ela aceite uma festa de aniversário cheia de gente desconhecida e ainda com direito a presença de emissora de TV, e seu novo geriatra recomenda que ela passe por todas as fases para renovar sua carteira de habilitação, incluindo aí uma prova prática.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

[Resenha - Universo dos Livros] Ariel e a pérola da sabedoria

Postado por Ju às 16:00 16 comentários
Título: Ariel e a pérola da sabedoria
Autor: Paul Ruditis
Tradução: Francisco Sória
Número de páginas: 256

Ariel é a princesa-sereia caçula do reino submarino governado pelo Rei Tritão, seu pai. A vida da Pequena Sereia é repleta de compromissos reais en-tediantes e aulas cansativas, sendo sempre supervisionada pelo conselheiro real, o siri Sebastião. A maior diversão de Ariel nas horas vagas é explorar o mar com seu inseparável amigo, Linguado, à procura de tesouros provenientes do mundo humano, que tanto sonha em conhecer. Porém, tudo muda quando, em um passeio, conhece Nyssa, uma jovem sereia rebelde que a envolve em uma incrível e perigosa aventura em busca de um dos maiores mistérios dos sete mares: a Pérola da Sabedoria. Será que nossa Pequena Sereia vai dar conta desse mistério sem se meter em confusão?

Imagino que vocês conheçam a Ariel, já que ela é uma das princesas da Disney. Mas caso nunca tenham ouvido falar dela, é uma sereia; a sétima filha do rei Tritão, o governante de Atlântida (não lembro se no filme ele governa especificamente essa região, mas no livro é assim). 

Ela é a caçula e a que mais dá trabalho. A princesa tem uma enorme fascinação pelo mundo humano, e se pudesse iria sempre à superfície. Como não lhe é permitido, faz isso apenas eventualmente e de forma discreta, mas não abre mão de seu passatempo preferido que também não pode ser divulgado: colecionar "relíquias" humanas, coisas que ela encontra normalmente em navios naufragados.

sexta-feira, 5 de maio de 2017

[Resenha - Universo dos Livros] A Bela e a Fera

Postado por Ju às 22:30 13 comentários
Título: A Bela e a Fera
Adaptação de Elizabeth Rudnick
Roteiro para cinema de Evan Spiliotopoulos, Stephen Chbosky e Bill Condon
Tradução: Cely Couto
Editora: Universo dos Livros
Número de páginas: 208
Skoob

Bela deseja para sua vida muito mais do que a pequena cidade provinciana de Villeneuve pode oferecer. Lá, ela se destaca da multidão com um ponto de vista único, uma independência vigorosa e um notável amor pelos livros. Ela anseia por viagens e aventuras, e por uma vida tão empolgante quanto as histórias que lê, mas, quando seu amado pai é aprisionado por uma fera em um castelo encantado, o destino de Bela muda para sempre. Ao arriscar sua liberdade e seu futuro, ela assume o lugar do pai, jurando-lhe que escaparia em segredo. No entanto, conforme aprende mais sobre a Fera e seu misterioso castelo, Bela descobre que pode haver mais sobre a história dele – e sobre a sua própria – do que ela jamais poderia ter imaginado.

Era uma vez um príncipe extremamente arrogante e egoísta. Um príncipe que só permitia que o belo estivesse ao seu redor, que não se sensibilizava com as necessidades de seus súditos e não se importava nem um pouco se eles tivessem que enfrentar dificuldades para que fosse possível ele ter tudo o que quisesse.

Um dia, no meio de um baile, sua diversão foi interrompida por uma velha feia e maltrapilha que queria abrigo da tempestade, o que lhe foi negado. Imediatamente, ela se transformou, revelando-se uma linda e poderosa feiticeira. Lançou então uma maldição sobre o príncipe. 

quarta-feira, 3 de maio de 2017

[Review] A Bela e a Fera

Postado por Ju às 22:00 16 comentários

A Bela e a Fera
Data de lançamento: 16 de março de 2017
Duração:  2h09min
Direção: Bill Condon
Elenco: Emma Watson, Dan Stevens, Luke Evans e outros
Gêneros: Fantasia, Romance, Musical
Nacionalidade: EUA


Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera (Dan Stevens) e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana. (Fonte: Adoro Cinema)



Antes de começar a falar do filme propriamente dito, preciso avisar que se você não tem a menor ideia do que acontece na história da Bela e da Fera vai encontrar spoilers por aqui.


Bela vive em um pequeno vilarejo na França. É vista como esquisita pelos outros moradores, já que não se sujeita às regras do local. O "melhor partido" do lugar quer se casar com ela, mas a garota deixa bem claro para ele que nunca seriam felizes juntos. Ele a quer por sua beleza e pelo fato dela ser uma conquista difícil; não por ter algum sentimento, apenas por considerar que trata-se do melhor "produto" disponível.



terça-feira, 2 de maio de 2017

[Livro x Filme] Nerve

Postado por Ju às 23:30 14 comentários
Nerve: um jogo sem regras
Data de lançamento: 25 de agosto de 2016
Duração: 1h37min
Direção: Ariel Schulman | Henry Joost
Elenco: Emma Roberts, Dave Franco, Emily Meade e outros
Gênero: Suspense
Nacionalidade: EUA

A tímida Vee DeMarco (Emma Roberts) é uma garota comum, prestes a sair do ensino médio e sonhando em ir para a faculdade. Após uma discussão com sua até então amiga Sydney (Emily Meade), ela resolve provar que tem atitude e decide se inscrever no Nerve, um jogo online onde as pessoas precisam executar tarefas ordenadas pelos próprios participantes. O Nerve é dividido entre observadores e jogadores, sendo que os primeiros decidem as tarefas a serem realizadas e os demais as executam (ou não). Logo em seu primeiro desafio Vee conhece Ian (Dave Franco), um jogador de passado obscuro. Juntos, eles logo caem nas graças dos observadores, que passam a enviar cada vez mais tarefas para o casal em potencial. (Fonte: Adoro Cinema)

Já faz um certo tempo que li Nerve, então não estou com as coisas frescas na cabeça para fazer essa comparação. Mas achei o filme tão bom, e o livro tão inferior a ele, embora seja uma leitura daquelas impossíveis de largar, que não podia deixar de dar um espacinho para o filme aqui.

Vee é uma adolescente bem na sua. Não gosta de aparecer, leva numa boa sua paixão platônica por um garoto popular da escola e no momento seu maior desejo é ter coragem e condições de cursar a faculdade dos seus sonhos em outra cidade. Mas tem uma amiga que acha que falta atitude a ela e simplesmente vai até o garoto de quem ela gosta para contar de seu interesse.
 

Entre Palcos e Livros Copyright © 2014 Design by Rebecca Barboza RêVivendo