segunda-feira, 31 de agosto de 2015

[Resenha - Bertrand] O Aprendiz

Postado por Ju às 17:00 15 comentários
Título: O Aprendiz
Autor: Joseph Delaney
Tradução: Lia Wyler
Livro #1 da série As aventuras do Caça-Feitiço
Editora: Bertrand Brasil

Thomas Ward é o sétimo filho de um sétimo filho e se tornou aprendiz do Caça-Feitiço. A missão é árdua, o Caça-Feitiço é um homem frio e distante, e muitos aprendizes já fracassaram. De alguma forma, Thomas terá de aprender a exorcizar fantasmas, deter feiticeiras e amansar ogros. Quando, porém, é enganado e cai na armadilha de libertar Mãe Malkin, a feiticeira mais malévola do Condado, tem início o horror... e uma grande aventura! O aprendiz, primeiro livro da série de fantasia As aventuras do Caça-Feitiço, escrito por Jospeh Delaney (e traduzido pela prestigiada Lia Wyler, responsável pelo texto em português da saga de Harry Potter), que já vendeu centenas de milhares de exemplares em todo o mundo, é uma história repleta de emoção e muitos, muitos sustos. Por isso, cuidado: não deve ser lido à noite!

Este ano não irei à Bienal, então farei um especial diferente no blog... resenharei livros de autores que farão sessões de autógrafos aqui em São Paulo mesmo. Tentarei ir a todas, mesmo que tenha algum autor de quem não li nenhum livro, porque vai que leio depois e me apaixono... e aí me arrependeria horrores por não ter comparecido. O primeiro livro que escolhi para conhecer foi O Aprendiz - ele dá início à série As aventuras do Caça-Feitiço.

Thomas Ward tem 12 anos e chegou a hora de conseguir uma profissão. Seu irmão mais velho será o herdeiro da fazenda da família, e seus outros cinco irmãos já seguiram seus caminhos. Seu pai já não tem muito a quem recorrer e, na verdade, seu destino já havia meio que sido traçado por sua mãe desde o seu nascimento - o fato de ser o sétimo filho de um sétimo filho lhe faz ter características especiais.

Somos os sétimos filhos de sétimos filhos, e temos o dom de ver coisas que os outros não podem ver. Mas esse dom, de vez em quando, pode se tornar uma maldição. Se tivermos medo, às vezes poderão aparecer coisas que se alimentam desse medo. O medo piora tudo para nós. O truque é nos concentrarmos no que vemos e pararmos de pensar em nós mesmos. Sempre resolve.

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamentos de setembro do Grupo Editorial Novo Conceito

Postado por Ju às 17:00 10 comentários
Em setembro, além de Dez coisas que aprendi sobre o amor, que já apresentei para vocês neste link, o Grupo Editorial Novo Conceito lança mais cinco títulos. Chega pelo selo Novas Páginas um livro que espero ser lançado há tempos: A Estrela dos Mortos, do Renan Carvalho, o segundo da série Supernova. Estou super animada para ler! =)


Supernova 2: A Estrela dos Mortos - Renan Carvalho

Após deixar sua cidade natal, Leran está perdido em busca de uma pessoa que possa ajudar sua irmã Luana a controlar seus poderes. Enquanto foge de caçadores colocados em seu encalço, o arqueiro conhecerá novos lugares e aliados para sua jornada. Ao mesmo tempo, Tlavi, a jovem Estrela da Cura, tenta desvendar os mistérios de um criminoso capaz de erguer as forças das trevas no território pacificado do Reino Central. O caminho desses personagens está ligado pelo destino. Será que poderão lutar juntos para descobrir como vencer os novos inimigos? Conseguirá Luana despertar sua verdadeira força? Como Leran agirá diante da evolução dos poderes da irmã? É o que você vai descobrir em Supernova: A Estrela dos Mortos.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

[Resenha - Novo Conceito] Para Continuar

Postado por Ju às 17:00 15 comentários
Título: Para Continuar
Autor: Felipe Colbert

Envolver-se com a jovem Ayako é a oportunidade perfeita para Leonardo César esquecer a sua vida tediosa e perigosamente limitada, tudo por culpa do seu coração defeituoso. Enquanto isso, com a ajuda de seu avô, Ayako tem a difícil missão de manter inacessível um porão de dimensões que vão além da loja de luminárias que ela gerencia, repleto de milhares de lanternas orientais, cujo mistério envolve os habitantes do bairro da Liberdade. A partir dos crescentes encontros entre Leonardo e Ayako, uma nova lanterna surgirá para os dois. Eles terão que protegê-la com afinco, ou tudo que construíram juntos poderá desaparecer a qualquer momento. O que ninguém conseguiria prever é que Ho, um jovem chinês também apaixonado por Ayako, colocaria em risco o futuro desse objeto. E com ele, o sentimento mais importante que dois seres humanos já experimentaram.

Amei os livros do Felipe que li antes desse, e solicitei Para Continuar sem nem mesmo ler a sinopse. Infelizmente, não tive uma experiência tão boa quanto das outras vezes... a história não conseguiu me conquistar da forma que imaginei que conseguiria. 

Leonardo tem 20 anos e está na faculdade. Precisa conviver com restrições devido a um problema de coração. Mas pode fazer muitas coisas normalmente e um dia, no metrô, dá de cara com uma garota que o fascina completamente. Senta ao lado dela e tenta puxar conversa, até perceber que ela está usando fones de ouvido. Então toca de leve seu braço e pergunta o que está ouvindo... acaba conseguindo dividir os fones por um curto período, e ouve uma música oriental bem calma e tranquila... até que o fone é retirado do ouvido dele e a garota que o encantou desce apressada na estação Liberdade. 

terça-feira, 25 de agosto de 2015

[Resenha - Fundamento] Goosebumps: O Fantasma da Casa ao Lado

Postado por Ju às 17:00 13 comentários
Titulo: Goosebumps - O Fantasma da Casa ao Lado
Autor: R. L. Stine
Livro #25 da série Goosebumps
Editora: Fundamento

A vizinhança da Hannah anda meio esquisita desde que aquele garoto novo se mudou para a casa ao lado. Mas quando isso aconteceu? A casa estava vazia quando ela foi dormir na noite anterior... Por que ainda parecia abandonada? Hannah não consegue arrancar nenhuma resposta do novo vizinho. Ele sempre desaparece das formas mais estranhas. E é tão pálido... Será que a menina está sendo assombrada pelo fantasma da casa ao lado?


No mês passado, apresentei para vocês a série Goosebumps e falei sobre a adaptação dela que estreia nos cinemas em outubro. Disse que um dos volumes da série seria resenhado por aqui, e chegou a hora de cumprir o prometido. 

Se você leu os dados sobre o livro aí em cima, e achou uma coisa absurda eu escolher o 25º livro, saiba que isso aconteceu porque cada volume conta uma história diferente. Como sou extremamente medrosa, escolhi logo um livro que trata de um assunto que não me dá medo: fantasmas. Então, o livro não me assustou, mas ele é destinado a crianças, e acho que pode dar alguns sustos em várias delas.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

[Resenha - Seguinte] A Rainha Vermelha

Postado por Ju às 17:00 19 comentários
Título: A Rainha Vermelha
Autora: Victoria Aveyard
Tradução: Cristian Clemente
Livro #1 da trilogia A Rainha Vermelha
Editora: Seguinte

O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho?  Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe - e Mare contra seu próprio coração.

Em A Rainha Vermelha, Victoria Aveyard nos apresenta um mundo dividido pelo sangue. De um lado, temos os prateados. Seres que, além de terem o sangue realmente prateado, têm poderes que os tornam superiores aos outros seres humanos - como controle da mente, dos elementos, invisibilidade, força muito além do comum... O rei tem esse sangue, os nobres também. De outro lado, temos os vermelhos. Feitos para servir. Vivem em lugares em que a vida não é nem um pouco confortável.

Desde o nascimento os vermelhos sabem quais serão seus futuros possíveis: arrumar um trabalho, uma ocupação útil, o que é bem difícil de conseguir, já que quem possui um emprego nunca abriria mão dele; ou ir para a guerra, o que acontece com todos os "desocupados", homens e mulheres, assim que atingem 18 anos. Esse é o destino que aguarda Mare, de 17 anos. Só que ela acaba conhecendo uma pessoa capaz de salvá-la dele. Mas não poderia imaginar que acabaria tendo que enfrentar uma situação até mais cruel, em que nunca mais poderá ser ela mesma.

domingo, 23 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamentos do Grupo Editorial Pensamento

Postado por Ju às 19:00 14 comentários
Vamos conhecer os lançamentos do Grupo Editorial Pensamento? Esse mês chega às livrarias a continuação de Fortaleza Negra! *-*

Tempestades de Sangue - Kel Costa
Livro #2 da série Fortaleza Negra
Editora: Jangada

Durante o último ataque de mitológicos à Fortaleza Negra, Sasha sofreu perdas irreparáveis. Agora, só o que ela quer é juntar os cacos e seguir em frente. Mas, quando menos espera, ela se depara com um esquema de tráfico de sangue dentro da Fortaleza e resolve usar essa informação para se aproximar de Klaus, o líder dos Mestres vampiros. Enquanto isso, Mikhail viaja na companhia dos irmãos numa caçada aos mitológicos, e está concentrado em encontrar seus inimigos e dar fim ao grupo que atacou a Fortaleza. Mal sabe ele que enquanto isso, Sasha está se arriscando para desvendar todo o mistério que envolve o tráfico de sangue, ao mesmo tempo que tenta se reaproximar do cientista Blake Campbell e descobrir mais sobre a Exterminator, a arma criada para exterminar os mitológicos, mas que também pode ser uma grande ameaça para os vampiros. Será que Blake está tramando contra os Mestres? Sem que imagine, as investigações de Sasha a levam a percorrer um caminho sem volta que acaba se transformando no seu pior pesadelo.

sábado, 22 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamento da Petit Editora: A Aprendiz do Amor

Postado por Ju às 21:00 11 comentários
Hoje apresento a vocês mais um lançamento da Petit. O livro já está em pré-venda no site da editora com um super desconto.

A Aprendiz do Amor - Ricardo Orestes Forni

Numa época medieval, Angélica é uma princesa que vive rodeada de luxo e riqueza, porém, pouco se importa com o conforto do qual desfruta em seu castelo. Sua maior preocupação é com os pobres que vivem nas redondezas. Ao conhecer o humilde jardineiro Antônio, Angélica passa a questionar seus privilégios em relação ao povo humilde. Porém, seu pai, um rei poderoso e egoísta, não se conforma com as atitudes humanistas da filha. Ajudado por uma serviçal gananciosa, muito próxima de Angélica, o rei se vinga, mandando prender o jardineiro e expulsando a filha do palácio. Todos pagarão um preço por suas decisões. O que será que o destino reservará a cada um deles?

Sobre o autor

Ricardo Orestes Forni nasceu em São José do Rio Preto (SP), em 1947. Graduou-se em ciências médicas pela Universidade de Botucatu (SP) no ano de 1972. Nesse mesmo ano entrou em contato com as primeiras obras espíritas. Em 1974, instalou-se na cidade de Tupã (SP), onde participa do movimento espírita através de programa na televisão e rádio local. Ricardo Orestes é articulista da revista RIE e do jornal O Clarim, de Matão (SP), da revista eletrônica O Consolador, de Londrina (PR) e do jornal O Imortal, de Cambé (PR). É autor de mais dezesseis livros.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

[Resenha - Universo dos Livros] Os sete últimos meses de Anne Frank

Postado por Ju às 22:30 15 comentários
Título: Os sete últimos meses de Anne Frank
Autor: Willy Lindwer
Tradução: Mauricio Tamboni
Editora: Universo dos Livros

O "não escrito" capítulo final do Diário de Anne Frank relata o tempo entre a prisão de Anne Frank e sua morte. A história é contada por meio dos testemunhos de seis mulheres judias que sobreviveram ao inferno do campo de concentração do qual Anne nunca mais voltou. Inicialmente, o renomado cineasta holandês Willy Lindwer filmou o documentário "Os sete últimos meses de Anne Frank" e, depois disso, resolveu transformá-lo em livro. Para tanto, ele entrevistou mulheres que conheceram Anne Frank. O livro é composto pelos depoimentos de seis dessas mulheres - algumas que a conheceram antes de sua deportação para o campo nazista, e todas elas durante os últimos momentos em Bergen-Belsen. As histórias que estas mulheres têm para contar são semelhantes: o tratamento no campo, a forma como conheceram as irmãs Frank e a maneira como todas foram inexplicavelmente tocadas por sua vida. O fato de terem sobrevivido ao campo de extermínio é um milagre em si mesmo. Uma das sobreviventes, inclusive, teve a difícil missão de confirmar a Otto Frank as mortes de suas filhas, Anne e Margot. Os sete últimos meses de Anne Frank é o triste e verdadeiro relato de uma crueldade inimaginável e do milagre ocorrido para os que sobreviveram poderem contá-lo com suas próprias palavras. 

Quando a gente não lê sinopses, pode acabar imaginando coisas completamente diferentes sobre um livro. Foi o caso de Os sete últimos meses de Anne Frank. Claro que eu já sabia o que tinha acontecido com ela e esperava por um trabalho investigativo do autor. Mas não tinha a menor ideia de que antes desse livro ser lançado, existiu um documentário. E que, para esse documentário, ele entrevistou seis mulheres que, de alguma forma, tiveram contato com a Anne. Algumas bastante contato, outras quase nenhum, mas todas elas conheceram Anne Frank em algum momento.

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

[Livro x Filme] O Pequeno Príncipe

Postado por Ju às 22:30 16 comentários
O Pequeno Príncipe
Título Original: The Little Prince
Gênero: Animação
Duração: 1h46m
Lançamento: 20 de agosto de 2015
Um Filme De: Mark Osborne  
Distribuidora: Paris Filmes 

Uma garota acaba de se mudar com a mãe, uma controladora obsessiva que deseja definir antecipadamente todos os passos da filha para que ela seja aprovada em uma escola conceituada. Entretanto, um acidente provocado por seu vizinho faz com que a hélice de um avião abra um enorme buraco em sua casa. Curiosa em saber como o objeto parou ali, ela decide investigar. Logo conhece e se torna amiga de seu novo vizinho, um senhor que lhe conta a história de um pequeno príncipe que vive em um asteróide com sua rosa e, um dia, encontrou um aviador perdido no deserto em plena Terra.

Este era o filme que eu mais queria assistir esse ano. Resenhei o livro essa semana e coloquei até alguns extras na resenha para mostrar todo o meu amor por essa história. Cheguei no cinema extremamente ansiosa e empolgada, mas acabei me decepcionando. 

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamento da Butterfly Editora: Herdeiro de Sevenwaters

Postado por Ju às 22:30 13 comentários
O que acontece quando a pessoa descobre que mais um livro de uma de suas séries favoritas está em pré-venda no site da editora com data de lançamento prevista para o dia seguinte? Ela surta e vem logo contar para vocês, mesmo porque o livro está com um ótimo desconto no site da Butterfly.

Como eu amo Sevenwaters! *-* Já resenhei Filha da Floresta, Filho das Sombras e Filha da Profecia por aqui, e podem ter certeza de que logo sai a resenha de Herdeiro de Sevenwaters. =)


Herdeiro de Sevenwaters - Juliet Marillier
Livro #4 da coleção Sevenwaters

O domínio de Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos em seus longos mantos... Os chefes do clã de Sevenwaters têm sido, geração após geração, os guardiões de um dos últimos refúgios dos Tuatha De Danann, os Seres da Floresta. É nesse cenário, rodeado pela floresta de Sevenwaters, que humanos e criaturas do Outro Mundo convivem ao mesmo tempo em harmonia e desconfiança. Quando Lady Aisling dá à luz um novo herdeiro de Sevenwaters, cabe à sua filha Clodagh a responsabilidade pela casa e pelo irmão. Porém, ele é raptado, e em seu lugar é deixado um ser que pouco lembra um bebê humano. Para recuperá-lo, Clodagh tem que se aventurar no Outro Mundo, acompanhada por um misterioso guerreiro, e enfrentar o poderoso príncipe que agora reina. E a recompensa pode ser maior do que ela imagina...

terça-feira, 18 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamentos da Editora Planeta

Postado por Ju às 23:30 13 comentários
Boa noite!

Vamos conhecer os lançamentos da Planeta?


O Pulo da Gata - Fernanda França

A paulistana Maggie May ama os animais e exerce sua profissão de veterinária com paixão. Mas seu maior sonho é casar com tudo que uma mulher romântica tem direito: vestido branco, cerimônia religiosa, festa com todos os seus amigos e parentes, lua de mel... O noivo nem importa muito, desde que seja alto. O que mais interessa a ela é o evento. Apesar de jovem – tem 23 anos –, ela faz de tudo para se casar e age como se fosse uma solteirona desiludida. Não é a toa que está na sua quinta tentativa, mas Meggie é confiante de que Felipe, que ela conheceu num site de encontros, a tornará, enfim, feliz. Só que as estrelas, que tudo veem lá de cima, não têm tanta certeza assim. Nem Eric, o comediante gato que ela conhece por acaso, no dia do seu primeiro encontro físico com Felipe. O Pulo da Gata é uma comédia romântica cheia de reviravoltas, algumas trágicas, outras curiosas e divertidas, que prende e emociona a cada capítulo. Impossível não rir ou chorar.

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

[Resenha - Geração Editorial] O Pequeno Príncipe

Postado por Ju às 20:00 14 comentários
Título: O Pequeno Príncipe
Autor: Antoine de Saint-Exupéry
Tradução: Frei Betto

Um piloto cai com seu avião no deserto e ali encontra uma criança loura e frágil. Ela diz ter vindo de um pequeno planeta distante. E ali, na convivência com o piloto perdido, os dois repensam os seus valores e encontram o sentido da vida. Com essa história mágica, sensível, comovente, às vezes triste, e só aparentemente infantil, o escritor francês Antoine de Saint-Exupéry criou há 70 anos um dos maiores clássicos da literatura universal. Não há adulto que não se comova ao se lembrar de quando o leu quando criança. Trata-se da maior obra existencialista do século XX, segundo Martin Heidegger. Livro mais traduzido da história, depois do Alcorão e da Bíblia, ele agora chega ao Brasil em nova edição, completa, com a tradução de Frei Betto e enriquecida com um caderno ilustrado sobre a obra e a curta e trágica vida do autor.

O Pequeno Príncipe é uma história que me fascina desde sempre. Não tenho a menor ideia de quantas vezes já li esse livro, só sei que nunca deixei de me encantar. É um dos meus livros preferidos de todos os tempos, uma obra que é capaz de prender a atenção de pessoas de qualquer idade, e de ensinar algo a pessoas de qualquer idade também.

Um garotinho abandona a carreira de pintor aos 6 anos devido a conselhos de adultos sem imaginação. Acaba se tornando piloto, e um dia cai com seu avião no meio do deserto. Lá, conhece uma criança, o pequeno príncipe, que deixou seu planeta aproveitando uma revoada de pássaros selvagens em migração, devido a um desentendimento com sua melhor amiga, uma rosa. O principezinho acaba aprendendo muito em sua jornada até a Terra, e ensinando bastante ao piloto depois de chegar nela.

domingo, 16 de agosto de 2015

[Resenha - Petit Editora] A essência divina do amor

Postado por Ju às 20:00 12 comentários
Título: A essência divina do amor
Autor: Eduardo Rossatto

Orlando e Frederico são muito amigos. Cego pela inveja, Orlando, num acesso de fúria, mata o amigo, que era casado com Ana e com quem tinha um filho. No futuro, André e Clara, os amantes reencarnados, terão de enfrentar muitos desafios para provar que seu amor é verdadeiro e ultrapassa o tempo e a vida terrena. Caberá a Bernardo, o espírito reencarnado de Orlando, saldar suas dívidas com a existência passada. Muito além de uma simples romance entre dois jovens, A essência divina do amor narra histórias de amizade, cumplicidade, doação e desprendimento que ultrapassa séculos na Florianópolis nos anos finais do século 18 e início do 20. Em torno dos protagonistas Clara e André giram vários outros personagens que se destacam por suas atitudes perante a vida e o próximo. E tudo num ambiente hostil, quando os valores morais eram mais rígidos e os preconceitos mais acirrados. Vale ressaltar que importantes acontecimentos históricos que marcaram a época ilustram a narrativa, como a chegada dos imigrantes açorianos à ilha, a construção da famosa ponte pênsil Hercílio Luz, a epidemia da gripe espanhola e os embates tensos da Revolução de 1930. 

Final do século XVIII. Orlando e Frederico são amigos muito próximos, mas Orlando não aguenta ver o quanto sua vida é difícil enquanto a do amigo é tranquila e repleta de felicidade. Em um acesso de fúria, o mata, imaginando que seria ótimo poder ocupar o lugar dele e ter todo o conforto, além de uma esposa linda e amorosa e um filho.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

[Resenha - Planeta] Manual da Mulher Bem Resolvida

Postado por Ju às 23:30 10 comentários
Título: Manual da Mulher Bem Resolvida
Autora: Taty Ferreira
Editora: Planeta

Não se iluda! Este não é um manual que vai transformá-la em uma mulher bem resolvida da noite para o dia. Sinto muito se essa era a sua intenção. A ideia é fazer você perceber que existem outras maneiras de enxergar e vivenciar a vida, mais originais e divertidas. O fato de você estar louca para ler este livro também não a faz uma mulher mal resolvida, alguém que precisa de lições para aprender como lidar com as situações mais diversas. Principalmente porque, antes de tudo, somos mulheres, e mesmo as mais bem resolvidas têm seus momentos de dúvida e desilusão, não é mesmo? Este livro é um bate-papo sincero, que não pretende impor posições ou criar estereótipos. São apenas os pontos de vista de alguém que adora tagarelar sobre a alma feminina. Você pode concordar ou discordar como sempre acontece em uma roda de amigos...

Normalmente fico curiosa para ler livros de blogueiros e vlogueiros, mesmo que eu não conheça seus respectivos blogs ou vlogs. Não me perguntem o motivo porque eu não sei explicar... rs... Fiquei um tanto quanto em dúvida sobre ler o livro da Taty, do Acidez Feminina, mesmo porque não acredito em manuais para a vida, mas a sinopse acabou me convencendo. 

O livro é exatamente o que promete, um bate-papo com o leitor, em que a Taty fala sobre o que acredita, sobre o que aprendeu com suas experiências, sem nunca afirmar que aquilo é uma verdade absoluta, muito pelo contrário. 

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

[Resenha - Jangada] O Artífice do Tempo

Postado por Ju às 23:30 18 comentários
Esta resenha não possui spoilers deste livro ou do livro anterior da série. Caso não tenha lido o primeiro volume, recomendo que pule a sinopse.

Título: O Artífice do Tempo
Autor: Niel Bushnell
Tradução: Denise de Carvalho Rocha
Livro #2 da série Túneis da Morte
Editora: Jangada

Jack Morrow, de 13 anos, descobre que não é um menino comum. Ele é um Viajante, alguém com a capacidade de viajar através das Necrovias, túneis que ligam cada lápide ao dia em que a pessoa morreu. Ao se ver na Londres devastada pela Segunda Guerra Mundial, na companhia de David, seu avô, na época ainda adolescente, Jack percebe que a sua chegada a 1940 não passou despercebida. Forças malignas de um mundo secreto são convocadas para encontrá-lo. Enquanto Jack luta para sobreviver nessa aventura cheia de perigos e surpresas, ele acaba por desvendar o segredo sombrio da sua família e se empenha, numa corrida contra o tempo, para tentar mudar o seu destino.

Jack Morrow é um garoto de 13 anos que descobre meio por acidente que é um Viajante. Isso significa que pode viajar através das necrovias, que são uma espécie de "túneis da morte". Ao tocar em uma lápide, abre-se para ele um caminho até o dia da morte da pessoa enterrada lá. Não é algo que não tenha um preço: o mais baixo é sentir as lembranças da pessoa, mas um Viajante corre o risco de pagar um preço muito mais alto.

Estava bem ansiosa pela leitura de O Artífice do Tempo, porque a história de Túneis da Morte me fascinou. Encontrei algo bem diferente do que eu esperava, mas não acho que isso tenha sido ruim. O autor só foi por outro caminho, deu um foco diferente ao enredo. 

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

[Resenha - Galera Record] Ateliê Fashion: estampas para colorir

Postado por Ju às 23:30 17 comentários
Ateliê Fashion: estampas para colorir
Rafaella Machado
Editora: Galera Record

Em Ateliê Fashion, o mundo da moda e da estamparia vai ganhar cores! Esqueça os problemas, as preocupações e a correria do dia a dia, mergulhando no mundo das padronagens da designer Rafaella Machado, em seu livro de estreia. Deixe a criatividade fluir, escolha suas cores favoritas e uma estampa para começar. Você dita as próprias regras e cria como quiser suas obras de arte. Pegue o lápis de cor e boa diversão!

Ateliê Fashion chegou de surpresa aqui em casa, aí fiz uma nova tentativa de me relacionar com os livros de colorir. Não deu muito certo, mas não por culpa do livro. Mais pra frente vou explicar qual é o problema que preciso enfrentar.

Quando recebi o livro com essas matrioskas na capa, achei que  seria composto por vários tipos delas. Mas claro que não é bem isso o que a gente encontra dentro dele. Ao ler a palavra estampas, penso em roupas, ainda mais com esse título. Mas felizmente a ilustradora tem a imaginação bem mais fértil que a minha. Temos ilustrações de todos os tipos, minha preferida é uma de unicórnios que está linda demais. Tão linda que não tive coragem de colorir com medo de estragá-la... hehe...

terça-feira, 11 de agosto de 2015

[Resenha - Butterfly] Despertando Vidas

Postado por Ju às 22:30 12 comentários
Título: Despertando Vidas
Autor: Dr. Fábio Gabas

Um novo conceito para uma vida mais saudável! Despertando vidas apresenta exercícios e técnicas para melhorar significativamente sua saúde física e emocional, disposição e energia. Você poderá modificar seus estados emocionais, valores, crenças e níveis de consciência que determinam sua percepção de mundo e, consequentemente, ganhar qualidade de vida. Por meio de um modelo de alimentação e de condicionamento físico elaborado a partir dos princípios que regem uma função celular ideal, descubra como desfrutar de mais bem-estar com menos esforço. 


Despertando Vidas foi escrito pelo Dr. Fábio Gabas, que pratica a medicina integrativa, que se preocupa com a situação do ser humano como um todo, e não apenas com as doenças que surgem. No início do livro, ele esclarece que algumas vezes ouvimos dizer que fazer exames periodicamente ajuda a prevenir as doenças, mas esclarece que não é bem o que acontece... afinal, quando uma doença é detectada ela já teve um período de desenvolvimento.

A medicina integrativa pensa em tudo que está ao nosso redor: nossa alimentação; se e como praticamos atividades físicas; o fato da genética ser responsável por uma pequena porcentagem das doenças, considerando que apenas 4% das doenças são estritamente genéticas; a forma com que lidamos com os sentimentos positivos e negativos e o jeito que nos relacionamos com o outro e com o mundo. O livro tem bastante informação em suas 216 páginas.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamentos da Geração Editorial

Postado por Ju às 22:30 10 comentários
Oi gente, tudo bem?

Tenho alguns lançamentos da Geração para apresentar a vocês... o primeiro eu espero faz tempo! *-*

A tentação de Lila & Ethan - Jessica Sorensen

Aos olhos de todos, Lila Summers é a garota perfeita: linda, inteligente, ousada e rica, muito rica! Ela acabou de sair da casa dos pais para entrar na faculdade. Sua nova cidade? Nada menos que Las Vegas… Aos vinte anos, loira e provocante, ela vive o frisson das baladas, jogando-se nos ambientes tentadores dos shoppings e noitadas de sexo sem amor, porém, de forma cada vez mais compulsiva e selvagem. Há algo muito errado nisso tudo. Parece haver razões obscuras para os comportamentos autodestrutivos de Lila. E Ethan Gregory, seu melhor amigo, movido por uma força protetora e ciumenta que ele mesmo não entende, vai arriscar-se a tudo para tirá-la desse inferno, um inferno que se tornou seu também. Sensualidade, segredos e extremos são os elementos irresistíveis desse novo livro de Jessica Sorensen, uma das autoras contemporâneas mais cultuadas do gênero new adult nos Estados Unidos.

domingo, 9 de agosto de 2015

[Resenha - Novo Conceito] Eu te darei o Sol

Postado por Ju às 23:00 12 comentários
Título: Eu te darei o Sol
Autora: Jandy Nelson
Tradução: Paulo Polzonoff Junior
Editora: Novo Conceito

Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia. Mal-entendidos, ciúmes e uma perda trágica os separaram definitivamente. Trilhando caminhos distintos e vivendo no mesmo espaço, ambos lutam contra dilemas que não têm coragem de revelar a ninguém. Contado em perspectivas e tempos diferentes, Eu te darei o Sol é o livro mais desconcertante de Jandy Nelson. As pessoas mais próximas de nós são as que mais têm o poder de nos machucar.

Noah e Jude são gêmeos, e sempre foram muito competitivos, apesar de todo o amor que sentem um pelo outro e da ligação mágica que possuem. Sempre foi importante para eles saber quem era o preferido dos outros membros da família, e nunca conseguiram evitar sentir certa inveja da vida que o outro tinha. Noah desde bem pequeno foi considerado estranho, só quando desenhava se sentia completo. Jude é popular, e há anos tomou para si a tarefa de defender o irmão dos valentões. 

Só que aos quatorze anos eles precisam enfrentar uma tragédia, e isso acaba meio que invertendo a personalidade dos dois. Jude se foca na arte e faz de tudo para se tornar invisível para o mundo, e Noah se torna popular, chegando ao ponto de entrar para uma equipe esportiva, e abandona completamente seus desenhos.

sábado, 8 de agosto de 2015

[Resenha - Giz Editorial] Por que Indiana, João?

Postado por Ju às 22:00 14 comentários
Título: Por que Indiana, João?
Autor: Danilo Leonardi

Você pode pensar que, aos quinze anos, João já deveria estar acostumado com provocações, apelidos e humilhações. Afinal, ele é um típico adolescente deslocado e tímido. Alvo perfeito para a ira dos valentões e para o desprezo das garotas. Mas sua vida muda completamente quando reage a um ataque de seu maior algoz. O golpe de sorte que derruba o valentão é gravado e vira hit na internet. João se vê finalmente admirado, respeitado e seguro. Mas tudo tem seu preço e João vai aprender qual o peso que suas escolhas podem ter não só sobre sua vida, mas sobre as vidas de todos ao seu redor. Por que Indiana, João? é o livro de estreia de Danilo Leonardi, e parte de uma história quase comum para falar sobre algo que não deveria ser tão comum assim e que faz parte da vida de muitos adolescentes, jovens e até de adultos – o bullying. 

João tem 15 anos e não tem uma vida fácil - é perseguido pelo valentão da escola e por seus companheiros inseparáveis há alguns anos. Mas acha que é melhor aguentar calado do que falar com os pais ou com outro adulto, já que isso poderia piorar sua situação. Só que um dia ele consegue revidar parte da violência que é dirigida a ele, e acaba se tornando uma espécie de herói. O que aconteceu foi gravado e ele vira uma celebridade instantânea. Só que isso mexe muito com a cabeça do garoto. Torna-se irreconhecível para alguns e, em certo ponto, até para ele mesmo. Mas será que é possível viver feliz e em paz com essa nova personalidade que surgiu sem pedir licença?

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

[Divulgação] Lançamentos da Galera Record

Postado por Ju às 21:30 15 comentários
Oi gente, boa noite!

Vamos conhecer os lançamentos da Galera? Vai ter resenha dos cinco primeiros por aqui. =)

O Lado Feio do Amor - Colleen Hoover

O maior best-seller de Collen Hoover, autora das séries Slammed e Hopeless, chega ao Brasil. Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor. O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

[Resenha - Petit Editora] Enquanto houver amor, haverá esperança

Postado por Ju às 22:30 12 comentários
Título: Enquanto houver amor, haverá esperança
Psicografia de Sarah Kilimanjaro - Espírito Vinícius

Até que ponto alguém consegue superar suas dores? Por que uns têm coragem e seguem em frente apesar de todas as dificuldades e outros caem em desânimo? Esta é a linda história de Erika e Maurício, uma história de coragem, persistência e superação. Erika quando criança sofre um grave acidente que a deixa paraplégica, porém com o amor dos pais, dedicação dos médicos e coragem da menina ela consegue superar suas limitações. Maurício é um famoso e admirado corredor de automóveis, mimado, tendo tudo nas mãos, se deixa cair no desânimo quando um acidente o deixa fora de seu "mundo ideal". Duas histórias que se cruzam, e com resultados diferentes. Conheça essa comovente história e saiba porque enquanto houver amor há esperança!

Em Enquanto houver amor, haverá esperança, acompanhamos a história de Erika desde sua infância. Ela sofre um acidente aos cinco anos, e leva muito tempo para conseguir andar normalmente. Já adulta, decide estudar Medicina, se dedicando à especialidade de Traumatologia, para poder retribuir tudo o que recebeu. 

Maurício é um famoso piloto de corrida que sofre um acidente e fica paraplégico. Os médicos dizem que seu caso é irreversível, e isso só o torna mais amargo a cada dia. Quando conhece Erika, que é voluntária na clínica em que ele acaba de se internar (depois de ser expulso de várias outras, porque ninguém aguentou ser saco de pancadas), tem uma impressão muito forte a respeito dela, o que faz com que se esforce bastante para evitá-la. Ela também sente algo que nunca sentiu antes, e acredita que os dois estão destinados a ficar juntos. Mas isso não vai ser nada simples, o casal terá vários obstáculos a enfrentar.

Os problemas existem para ser solucionados, e não para nos vencer. A aprendizagem na Terra é permanente; entretanto, precisamos exercê-la não como um castigo, não como uma desgraça, mas entendê-la como experiência para galgar os degraus da evolução com otimismo.

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

[Resenha - Editora Record] A Garota no Trem

Postado por Ju às 23:00 14 comentários
Título: A Garota no Trem
Autora: Paula Hawkins
Tradução: Simone Campo
Editora: Record

Um thriller psicológico que vai mudar para sempre a maneira como você observa a vida das pessoas ao seu redor. Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida. Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos. Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota no trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado.

Rachel teve sua vida virada de cabeça para baixo. Tinha um bom emprego, um marido que amava, mas não conseguia engravidar. Isso fez com que se tornasse uma alcoólatra, e o álcool acabou tirando tudo dela: primeiro, o marido, que arrumou uma mulher menos problemática, e depois o emprego, ao fazer a empresa perder um grande cliente por causa de seu comportamento. Mora de favor com uma antiga colega de faculdade, e tem tanta vergonha de sua atual situação que finge ainda estar trabalhando. 

Acabei me tornando uma pessoa triste, e a tristeza cansa depois de um tempo, tanto para quem está triste como para todo mundo em volta. Então passei de alguém que gostava de beber à condição de bêbada, e não há nada que canse mais que isso.

terça-feira, 4 de agosto de 2015

[Primeiras Impressões] Dez coisas que aprendi sobre o amor

Postado por Ju às 19:00 12 comentários
Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

A Novo Conceito liberou quatro capítulos de Dez coisas que aprendi sobre o amor para que falássemos sobre nossas primeiras impressões, então esse será o tema da postagem de hoje. Tenho a mania de não ler sinopses, e isso tornou as coisas meio complicadas para mim. 

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

[Resenha - Globo Livros] Quando Saturno Voltar

Postado por Ju às 21:00 16 comentários
Título: Quando Saturno Voltar
Autora: Laura Conrado
Editora: Globo Livros

Em seu novo romance, Laura Conrado conta a história de Déborah Zolini, uma jornalista sonhadora, que trabalha como assessora de imprensa em um clube de futebol da segunda divisão, e namora o médico Sérgio há quatro anos. Ela faz planos de construir uma vida a dois, arrumar um emprego melhor e correr atrás de desejos que ainda não realizou. Só que a vida, ou as estrelas, guardam surpresas para Déborah. Em uma viagem ao Chile, ela encontra uma mulher misteriosa que lhe fala sobre o retorno de Saturno. O planeta, que leva, em média, 29 anos para dar uma volta no sistema solar, voltará à posição em que se encontrava quando a jornalista nasceu. Para quem acredita em astrologia, esse é momento em que as pessoas passam por várias mudanças, que vão prepará-las para encarar o resto de sua vida. Déborah não leva a moça muito a sério, mas pede às estrelas que a ajudem a realizar seus desejos. No entanto, no voo de volta ao Brasil, um encontro inesperado começa a abalar a vida aparentemente certinha da protagonista. Aos poucos, Déborah começa a admitir que não está gostando do rumo que as coisas estão tomando em sua vida. Será a hora de partir para novos desafios? Trocar aquele relacionamento confortável pelo frio na barriga? Sair de vez da zona de conforto e ver o que acontece? Com uma prosa leve e bem humorada, Laura Conrado criou um romance cativante sobre perseguir os próprios sonhos e a coragem necessária para ser feliz. Leitores que ainda não chegaram ou já passaram pelo retorno de Saturno vão se emocionar com essa história. 

Déborah está prestes a completar 29 anos e tem uma vida aparentemente confortável. Tem um emprego que é o mesmo desde que se formou, um namorado com quem está há quatro anos e mora com os pais e o irmão. Realmente não percebe que está tão acomodada... até que Saturno resolve bagunçar a sua vida.

Alguém já ouviu falar no "Retorno de Saturno"? Eu nunca tinha visto essa expressão até ler a nota da autora no início do livro. É o seguinte: após 28 ou 29 anos, Saturno retorna à mesma posição em que estava no dia de nosso nascimento, nos exigindo amadurecimento. Isso pode acabar causando grandes transformações na vida das pessoas, como acontece com a protagonista.

Ter os sonhos esfacelados pode ser bom: dá para sonhar outros.
 

Entre Palcos e Livros Copyright © 2014 Design by Rebecca Barboza RêVivendo